CONTROLADORA: AS FIGURAS MASCULINAS QUE ME FALTARAM


O controle surge a partir de uma necessidade, algo na sua história que você percebeu que não podia confiar. E eles começam lá na nossa infância, quando vemos situações onde, por exemplo, o masculino faltou (pode ser seu pai, seus avós).


Estes homens de alguma forma não deram conta, seja por alguma dificuldade que passaram, seja por traições, perdas financeiras.


O oposto do controle é a entrega, a confiança, então a pergunta aqui é: Quem mais no meu sistema familiar que não pode confiar? Onde eu me senti abandonada, sem ajuda e tive que dar conta sozinha? Mais alguém na minha família passou por isso? Controle tem relação com fé pois a confiança vem em algo que não vemos, a fé é algo que não vemos. Então, em que momentos da sua história você se sentiu abandonada por Deus? Se sentiu desamparada? Através de um olhar sistêmico, fé e Deus tem uma relação com o que "vem de cima" e tem relação com o masculino, então mais uma vez, mostra partes da nossa história em que a confiança e a fé não puderam existir.


Para as mulheres que querem engravidar ou que tem dificuldade com os relacionamentos afetivos, vejam se esta confiança no masculino ficou fragilizada na sua história ou na história das mulheres da sua família. Veja se seu pai teve problemas com bebida, se teve problemas com dinheiro, tudo isso já te trás um olhar desconfiado sobre esse masculino, que ele pode ser imprevisível. Como se você carregasse uma desconfiança permanente!


Para a Medicina Chinesa, é o Meridiano do Fígado que mostra desequilíbrio quando sentimos que estamos muito controladoras. Fígado é raiva e aparece no nosso ciclo menstrual com coágulos, sangue escuro, endometriose. A força yang, o movimento do masculino em nós e que é a entrada da progesterona como suporte, aparece na fase pré menstrual. Então TPM, escapes, abortos, tudo pode estar relacionado com esta falta de apoio e suporte do masculino.


Com óleo essencial de ylang ylang (1 gota em um algodão e inale) faça o exercício para olhar para seu controle e olhar para seu pai. Veja algo que você admira nele ou que ele é bom. Se isso for muito difícil, vá aos poucos, no seu tempo.


O objetivo não é você amar esse masculino, e sim olhar além, olhar para o que foi possível. Feche os olhos e imagine seu pai te entregando o melhor dele que é a vida, isso já é o suficiente para você. Sinta seu lado direito relaxando, como se agora o masculino pudesse fazer parte da sua história. Imagine seu pai e sua mãe presentes em seu corpo e sinta agora o seu lado esquerdo relaxado. Feminino e masculino agora podem estar juntos no seu corpo e na sua vida.


Fonte: Michele Hister


Você sabia que a Constelação Familiar pode lhe ajudar a entender melhor sobre estas questões? Agende já a sua sessão! Atendimento online e presencial.


(48) 99809- 0732

contato@casapaz.com.br

www.casapaz.com.br


#constelacaofamiliar #casapazterapias #atendimentoonline #filhos #pai #mae #familia